Segunda-feira, 23/09/2019. Boa noite. Seja Bem-vindo(a)!

Emoção e alegria marcam entrega das cinco primeiras casas do Programa Morada Feliz

13/07/2019

Solenidade contou ainda com inauguração do Loteamento Morada Feliz e das ruas

Luidy A. L. Roncalio e Adriana Friedrich

Foi realizado na manhã do último sábado (13) a solenidade de entrega das cinco primeiras unidades habitacionais do Programa Morada Feliz. O evento que aconteceu no Loteamento que leva o mesmo nome que o programa, contou com a inauguração das ruas Augusto Brambila e Vereador Adelar Rodrigues, ambos moradores que contribuíram muito para o desenvolvimento do município.

O evento contou com a participação do prefeito municipal, Silvânio Antônio Dias, do vice-prefeito, Claumir Cesar de Oliveira, do presidente da câmara de vereadores, Enio de Saiba, da secretária da Promoção Social, Elizete Fátima de Andrade, do secretário de Obras e Infraestrutura, Valmir Gomes, do senhor Ricardo Nuncio, representante do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Também se fizeram presentes a Promotora de Justiça da Comarca de Ronda Alta, Cláudia Massing, demais vereadores e soberanas do município, Cleci Santin e Ademar Berlet, ambos representantes do Conselho Municipal de Habitação.

“Hoje vendo o sonho destas famílias se realizando me deixa muito orgulhosa em saber que fiz pare de algo incalculável. Não há melhor coisa do que ter a sua própria casa, poder ter um lar. Que estes sonhos sejam só o começo de muitas realizações que virão de muitas conquistas e alegrias”, afirma a secretária da Promoção Social, Elizete Fátima de Andrade. Para o mutuário contemplado, Zelindo Sabadin, o loteamento éum lugar tão lindo, especial, e tudo feito da melhor maneira possível. O nome diz tudo, morada feliz. Foi maravilhoso o momento de ser contemplado, ter a casa própria é um sonho que agora se torna realidade”.

O programa foi criado através da lei municipal nº 1.846/2018 e tem como objetivo atender as necessidades básicas com vistas a promover melhora da qualidade de vida da população com uma política habitacional de interesse social. O mesmo conta com recursos financeiros provenientes do próprio município nos seguintes percentuais: 1% da receita do ICMS; 1% da receita do FPM; 15% da receita de serviços; 15% da receita da Compensação Financeira Recursos Hídricos; 15% do IPVA e 30% da receita da dívida.

O sorteio das cinco primeiras casas foi realizado pela Promotora de Justiça, Claudia Massing, juntamente com três mutuários que auxiliaram no sorteio. Inicialmente, foi realizado o sorteio de duas unidades para pessoas idosas conforme lei municipal que destina 6% precedentes para pessoas idosas. As demais casas foram sorteadas para todos os inscritos no programa.

Para o prefeito municipal, Silvânio Antônio Dias, “é muito gratificante ver e sentir a alegria das pessoas na conquista da casa própria, ver que o programa Morada Feliz, leva realização e felicidades à essas pessoas. Agradeço a todos que contribuíram para que este dia fosse possível, a equipe de engenharia, as secretarias que ajudaram de uma forma ou outra. Que esse momento seja apenas o início de muita alegria para as famílias que virão morar aqui”.

Os participantes do programa que passam a residir nas novas residências são: Pedro Fagundes dos Reis, Zelindo João Sabadin, Naureci de Oliveira Melo, Tânia Marcia de Almeida Zorzi e Simone Juliana Placotnik. “Estamos muito felizes, organizando nossas coisas, me senti a pessoa mais feliz daquele lugar sábado. Quase não acredito que após sete anos pagando o aluguel agora terei minha casa”, comenta a mutuária contemplada, Naureci.

As casas são de aproximadamente 42m² e foram construídas em lotes urbanos de até 220m² em loteamento destinado para o projeto e com toda a infraestrutura necessária viabilizada pela prefeitura.  Os participantes do programa contribuem com parcelas de 17% do salário mínimo e foram selecionados através de critérios estabelecidos em legislação própria. Um novo lote de residências está em construção com previsão de entrega de 13 unidades no final de 2019.

“Esse é mais um momento que demostra o quanto a administração é transparente e correta, o quanto as pessoas que mais precisam estão recebendo auxílio. O programa possibilita muito mais que uma casa, mas uma nova vida, com mais dignidade e felicidade”, declara o presidente da câmara de vereadores, Enio de Saiba.

           

Augusto Brambila

Nasceu em 22 de outubro de 1947, no município de São Valentim/RS. Casou-se com Etelvina Trevisan e desta união tiveram quatro filhos e cinco netos. Residiu neste município por mais de 50 anos tendo sido um cidadão comprometido com sua comunidade em especial ao Distrito de Vila Progresso, onde viveu a maior parte de sua vida.

Honestidade, trabalho, bondade e fé marcaram sua vida. Participou de movimentos e grupos em prol de melhorias na saúde e agricultura transformando suas lutas em poesia, dom o qual orgulhava amigos e familiares.

 

Adelar Rodrigues

Nasceu em 18 de dezembro de 1958 na Linha Cachoeira/Três Palmeiras, onde permaneceu até o ano de 1991 quando se mudou para a cidade. Preocupado com a sociedade e sempre querendo fazer mais ingressou na vida política em 2004 exercendo a vereança.

Não media esforços para ajudar a todos. Sinônimo de trabalho, comprometimento e doação lutou um município melhor.